27.4.10



(Imagem via Belenenses Ilustrado)

7 comentários:

jcb disse...

Vamos ver...

MCS disse...

Até que enfim, após 3 manutenções à custa da secretaria,finalmente.

Edgar disse...

Há quem diga secretaria, há quem diga que outros clubes esqueceram-se de aspectos tão irrelevantes como....pagar os ordenados. Mas permita que diga que foram duas, não três. E em ambas o Belenenses foi o melhor classificado entre os despromovidos, facto que valeu-lhe o convite para permanecer na 1ª divisão. Isso não deverá acontecer este ano. Podia também falar de outras secretarias, como aquela que há dois anos impediu o Belenenses de ir à UEFA. Ou de "secretarias" (leia-se municipios) que levam clubes ao colo em exemplos de descarada concorrência desleal. Mas olhem, vou optar por falar de outras modalidades que não o futebol, mas que ajudam a moldar um clube. Futsal (na final da taça e líder isolado do campeonato), andebol (2º classificado) ou voleibol (a discutir o título da A2). Tudo sem "secretarias", vejam lá bem.

MCS disse...

Concordo, os Belenenses é um clube de "outras modalidades" :-)
Já que para o futebol não tem massa adepta nem dimensão para a I Liga, só tem historial (e isso ninguém lhe pode retirar). Um clube sem adeptos não merece estar entre os grandes. E aqui podia acrescentar o U.Leiria, Rio Ave, Naval (espero que o Beira-mar não suba, porque é outro que tal). Os Belenenses foram ultrapassados pela História, lamento, tenho pena, mas é a verdade.

Edgar disse...

Arrisco mesmo a dizer que poderia acrescentar todos, com excepção dos chamados três grandes e do Guimarães. Que mesmo o Braga vive à sombra do sucesso das últimas épocas, que eu bem me recordo do aspecto desolador das bancadas do velhinho 1º de Maio. Os clubes das ilhas têm massa adepta, se considerarmos enriquecedor para um clube ter uma massa adepta "tuti-fruti", que apoia como segundo clube. Nesse capítulo, diga-se que, muitos ou poucos (mais poucos que muitos é verdade) o Belenenses ainda é dos poucos clubes que vai tendo adeptos "próprios". Não nego que há culpas, muitas, do clube para chegar ao ponto em que chegou. Mas sublinho que não é saudável uma Liga chegar ao ponto em que apenas 8 clubes (estou a ser generoso) têm essa tal dimensão de I Liga. E isso devia fazer alguém parar para reflectir.

Bruno disse...

Esta teoria de "Um clube sem adeptos não merece estar entre os grandes" é brilhante. Concordo com o Edgar, fazia-se um campeonato só com 5 ou 6 e umas 5 voltas para encher... Se estamos a considerar que o Belém não tem adeptos e, num ano normal, mete uma média de 5000 pessoas por jogo... Mais de metade das equipas têm uma média muito inferior a esta.

MCS disse...

5 mil? a sério? então devem ver os jogos escondidos.
Esclarecendo um pouco: há clubes quem têm adeptos, mas que poderão estar momentaneamente descontentes e desligados do clube. Contudo actualmente têm massa adepta. Ex: Leixões, Setúbal, Académica, Salgueiros, Boavista, Varzim. Ao contrário do Belenenses anda a definhar há vários anos, vários. E financeiramente é um fenómeno aguentar-se com o futebol e restantes modalidades.